quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

o recomeço de um ciclo sem sentido.

O recomeço de uma vida que estava acabada,
Outro começo, no que antes não significava nada,
O encontro do fim, e do inicio,
Onde tudo acabou, e seguir em frente é o que me restou.

Minha vida, minha pobre vida,
Movimentada por altos e baixos,
E eu não estou aqui pra desistir,
Eu vou até o fim, de uma vida ,
Que talvez não tenha fim.

Talvez, não tenha um porque de viver,
Ou talvez tenha,
Talvez você, seja minha força,
De onde eu vou voltar a sair de baixo,
Voltar a olhar por igual a todos,
Todos os que acharam que eu não ia conseguir,
E hoje eu estou aqui.

Busquei forças, busquei tudo o que eu tinha.
Consegui superar, conseguir voltar a viver,
Em um mundo que tem você,
Novo mundo, lindo de se viver,
Onde eu quero mais é te ter.

Comecei um novo ciclo,
Onde não sei se vai da certo,
Onde não sei o que tem pela frente,
Vivemos arriscando,
Vivemos sem saber o que vem no futuro,
Não prevemos nada,
Apenas vivemos.

domingo, 26 de dezembro de 2010

Impossível entender.

Por mais que eu queira te ter,
Fica mais difícil entender,
Se é amor ou apenas paixão,
Ou apenas a dor que machuca o meu coração.

Vejo em seus olhos , o reflexo de tudo o que eu sonhei
O reflexo de tudo que um dia eu quis pra mim,
Mais não foi bem assim,
O que eu mais queria , foi tirado de mim.

Não pode ser assim, ser feliz,
Só depende de mim,
E podia ser simples assim,
Ser feliz, buscar a felicidade,
E um amor de verdade,
Parece que não foi feito pra mim.

Volto a dizer,
Por mais que eu queira te ter,
É impossível entender,
Meu amor, virou ódio ou paixão?
Sei que machucou meu coração,
Escorrendo sangue, de tanta dor,
Onde no final,
Acabou com todo o meu amor.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Então, Feliz natal.


Mais um ano se foi,
Mais uma data bonita esta a se passar,
Mais um dia para se alegrar,
Natal, que data linda de se desejar, de pedir , de amar.

Dia de confraternizar, dia de se reunir,
Dia de apenas sentar, e brincar
Dia de olhar para o céu e orar,
Natal, você me faz pensar,
Em várias formas de amar,
Seja de amizade, seja familiar,
Ou até mesmo,a mais simples forma de amar.

Data linda de sentir, o que você nunca sentiu,
Espírito de natal, entre em minha vida,
Para mais um vez, eu voltar a viver,
Espírito de natal, salve a minha vida,
E a de quem eu  quero ser,
Natal, data linda de se ver.

Natal, você chegou,
Então, feliz natal. 




quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Lua Cheia

Mais uma noite se vai, mais um ciclo se completa,
Outra noite de lua cheia, onde tudo se desperta,
Para uns uma noite de medo, de pavor
Para outros mais uma noite linda, de amor.

Onde o amor desperta, onde tudo fica claro,
Uma noite de amor, que talvez seja até raro,
Talvez para uns não mude nada,
Pra mim, é o fim de um ciclo,
Que começou com uma ilusão, e chegou ao fim
Machucando um coração.

Renovando minha alma, renovando o meu viver
Noite de lua cheia, noite linda de se ver.
As luas mudam, mais vejo que nada mudou,
Apenas continuou , o que ainda não acabou,
Noite de lua cheia , renova meu viver,
Noite de lua cheia, traz a mim o seu amor,
Noite de lua cheia, tira de mim essa dor.

Uma noite que me traz inspiração,
Uma noite que afeta meu coração,
Noite de lua cheia, noite de amor,
Noite de se pensar, noite de se falar,
O que realmente sente,
O que realmente te traz felicidade,
Ou até mesmo dor,
Noite de lua cheia, renove o meu amor.


sábado, 18 de dezembro de 2010

Coincidência? Ou coisa do destino?




Talvez o destino nos prega peças,
Nos faz pensar em várias coisas,
Nos faz tentar desvendar, e decifrar tudo o que acontece

Coincidência? Ou será que o universo realmente conspira contra nós
Ou até mesmo a nosso favor,
Insistimos em procurar a lógica de cada coisa que nos acontece,
Mas , se tudo tivesse lógica em nossa vida, o que iria ter graça?
O que realmente acontece com conosco, não tem sentido,
Não tem lógica, não tem como decifrar.

Talvez a estrela que víamos anteriormente, não tenha sumido,
Talvez ela esta em um momento de eclipse,
Que esteja invisível para os nossos olhos,
Mas ela ainda pode estar lá , esperando um momentos bom
Para poder reaparecer,
Conhecidencia ou destino? Isso eu não sei.

Sei que a vida tem os seus momentos mágicos,
Lindos de se viver, difíceis de se esquecer,
Que vão apenas ficar na memória,
E estarão sempre conosco , o resto de nossas vidas.

Não tente decifrar o destino, não pense que é uma conhecidencia,
Nossa vida é cheia de magia, onde não sabemos o que vai acontecer,
O que vai mudar, e nem o que vamos sonhar,
Apenas viva sem, medo de viver,
Não meça esforços, não tente prever o futuro,
Afinal futuro é clichê , o futuro a gente faz agora.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Mais um dia

Mais um dia se vai, sem ao menos ouvir o som da sua voz ,
Mais um dia se vai, sem conseguir pensar em nós
Chegou a hora de mudar, chegou a hora de acordar,
O sonho se acabou, o show já terminou,
Só agora eu fui enxergar, só agora fui tentar mudar

Outra noite se foi, e a estrela que enxergávamos 
Sumiu do céu, ela se apagou,  deixou de existir
Mera conhecidencia? Isso eu não sei,
Sei que mais uma vez, tento olhar para o céu,
Tento procurar aquela estrela, de onde tudo começou
Mas agora eu vejo que nada mudou.

Mais um dia nasce, mais um dia que não terei sua presença
Outro dia vai passar, e esse sentimento à de mudar,
E nunca vai acabar,
Sempre irá existir, sempre irei relembrar, de onde tudo começou
E agora se apagou.

Aquela estrela no céu , que um dia voltará a aparecer,
Mas talvez tudo o que eu sinto, ficará adormecido,
Ficará dentro de mim, esperando outra hora para despertar,
Ou condenado para que adormeça,
E não seja como a estrela,
Que um dia voltará a brilhar. 

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Desistir?

Aonde eu posso caminhar? Só vejo essa estrada de chão!
Que não tem mais fim, que não chega a nenhum lugar,
Não tenho nem por onde escolher,
Não tenho mais por onde andar, não tem nem com quem falar
 
Chegamos a um ponto, em que pensamos em desistir
De caminhar, de lutar, de tentar viver,
Nada mais da certo, dias jogados fora,
Vidas desperdiçadas, sem ter aonde chegar, sem ter onde caminhar.
               
Estradas de chão, onde nos escondemos atrás de tanta poeira,
Não por que não queremos ser vistos,
Mas porque os que passam por nós, sequer oferecem ajuda,
Eu não posso gritar, pois você finge não me ouvir,
Eu não posso chorar, pois lagrimas serão em vão .

Lagrimas que recuso a sentir escorrer pelo meu rosto
Tentar viver, tentar acreditar, que um dia eu vou chegar
Mesmo caminhando por essa estrada de chão,
Mesmo sabendo que não vou chegar a lugar algum,
Desistir é pros fracos, eu não sou assim.

domingo, 12 de dezembro de 2010

Não deixe.




Não deixe o que a gente sonhou acabar
Por um simples detalhe, devemos tentar,
Sei que tu me ama, 
e eu não vou deixar de te amar.

Sim vou confessar que eu não vivo sem você,
Quando estou longe, a saudade me corrói,
Sinto uma dor tão grande, que não da pra suportar,
eu quero você do meu lado , para eu poder sonhar.

Não deixe que um simples detalhe acabe com isso tudo,
Esse sentimento que sinto por você é tão lindo,
é tão puro, é o mais puro sentimento,
É isso que eu sinto nesse momento.

E sempre tem a saudade que me corrói cada vez mais,
Mas quando te vejo, tudo parece mudar,
a dor some de dentro de mim,
os meus olhos voltam a enxergar,
o quando você é importante para mim.

Não deixe esse sonho acabar, não deixe.

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Depois de várias tentativas.

Depois de várias tentativas de ter o que eu sempre quis,
De tentar ser o que você sempre quis,
De ser o que o mundo queria,
Eu enxerguei  que nada vale a pena,
Que nada faz sentido , se você não tem alguém do seu lado,
Para te apoiar , para te dar conselhos, para te fazer olhar novos horizontes.

Vivemos tentando ser perfeitos , tentando ser o que o mundo quer que a gente seja
E não vemos o que esta a nossa volta , o que realmente importa,




O que é mais precioso , e que não tem valor.
O amor que sentimos , é a coisa mais importante que existe,
É a coisa que mais tem valor nos dias de hoje,
Sinta esse amor, não deixe que ele escape de suas mãos ,
Não deixe ele desaparecer,
Ele é difícil de sentir, é difícil de entender, é difícil de saber que está amando.

Amar não é para poucos, amar é para todos que tem coração
Todos que tem um sentimento puro,



Todos que conseguem ver o mundo melhor,
Amar é o sentimento mais puro e sensível, que se machuca facilmente
Mais que não se acaba rapidamente,
Amor, não jogue fora esse sentimento, não deixe essa palavra clichê,
Apenas diga que ama, quando você realmente ama,
Iludir uma pessoa, com um ‘eu te amo’ ‘falso’
Acaba com um sentimento, não seu , mas sim, de quem realmente ama!
Depois de várias tentativas eu descobri o que realmente é o amor,
Um sentimento indecifrável , que eu não cansarei de lutar por ele.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Passado .

Tenho um passado de pura ilusão,
Ele maltratou meu coração, alem de ter destruído mais uma canção
Ele acabou com meus sonhos, e criou novos medos
Só mais um passado de destruição, onde eu vivi
Onde eu não consegui chegar, em nenhum lugar.

Outrora eu venci, mas eu também perdi,
Onde mais eu quero ir? Isso eu já não sei,
Quantas vezes eu me iludi? Eu já perdi as contas,
De onde eu vou sair? Desse mundo que me prendeu,
Desse mundo que eu não quero mais voltar,
Dessa vez eu quero vencer, e nunca mais te ver ao chorar.

Venho trazendo coisas sombrias, coisas que o mundo não viu
Coisas que eu vivi, apenas por não ter outra escolha,
Vivi por viver, vivi pra aprender, vivi por querer viver,
E não me arrependo do que eu vivi, apenas não quero mais viver
Esses momentos de pura solidão, de puro rancor, de pura dor.

Fiquei tentando encontrar, aquilo tudo que eu queria mudar,
O que adianta voltar? Se nada que eu fizer, vai me fazer chegar,
Naquele lugar, naquela historia, onde não chegou ao fim,
Onde eu não sei o que tem pra mim,
Deixo no passado tudo aquilo que me fez mal,
Deixo tudo no passado, e tento ver apenas o futuro,
Aonde eu quero chegar, talves você não vai estar,
O futuro está próximo, e eu ainda quero alcaçar,
Sonhos que um dia vão chegar,
Adeus passado,
Oi futuro.


domingo, 5 de dezembro de 2010

Mais uma vez

Estou aqui pra dizer,
Mais uma vez que amo você
Que mais uma vez, seus olhos encontram o meu
Que me fazem chegar em outro lugar
Não sei como explicar
Basta olhar nos meus olhos e ver o quanto posso te amar.

Tentei ser como eles,
Tentei chegar até você e dizer tudo
Tudo o que eu sinto.
Sabe que as vezes eu não posso esperar 
Pra saber o que me faz te amar






















Não posso te iludir
Não vou te iludir,
Vou te seguir,
Vou aonde você for
Seja qual for o lugar

Mais uma vez , só mais uma vez
Peço a você,
Aquela garota dos meus sonhos
Que me fez voar,
A um lindo lugar,
Vim aqui pra te dizer,
Eu amo você. 

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Avalanche



Como eu posso dizer , de tudo o que passou?
Como eu posso dizer , de quem um dia te amou,
Uma avalanche de sentimentos, que veio em um momento errado,
Um momento em que tudo o que eu pensava era você,
Estou vivendo mudanças , essa avalanche , que mistura tudo o que vê
Que arrasta tudo o que tem pela frente, que acaba sendo gelada
Que acaba sendo fria, ela não pensa, ela não quer saber do que tem pela frente,
Ela apenas arrasta e destrói tudo.

Esse não é o sentimento que eu quero pra mim,
Eu apenas fui obrigado a ser assim,
Não sei se vou sofrer, se vou me arrepender, não escolhi ser frio
O mundo me ensinou ser assim , vivemos aprendendo
E a cada lição nova, um aprendizado melhor.

Sempre sofri por ser tão sentimental, sempre vivi ,
Sempre acabei no fundo do poço,
Desisti dessa vida, reformulei uma nova,
O que me importa agora, é saber se vai da certo,
Todos os jeitos que eu já tentei para viver, acabaram dando errado,
A gente vive aprendendo,

E essa avalanche me arrastou junto com ela,
Me levou para um lugar mais sombrio,
E acabou mudando a minha vida, seja qual for esses sentimentos passados
Eles vão morrer, e eu vou continuar a viver, a minha vida pacata,
De uma pessoa que não mais vai sofrer,
Pelas outras pessoas, que não merecem o seu sofrimento,
Não merecem nenhuma lagrima derramada, e muito menos,
Um gesto de amor

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Não vá embora!

O que adianta falar,
Se o que eu falo, não faz sentindo pra você
De que adianta sofrer ,
se é por você que eu quero viver

Parece que tudo que eu escrevi,
não fez sentido pra você,
sintonias diferentes,
jeito diferente,
com um pensamento igual.



Estou morrendo por dentro,
mas ainda continuo feliz
Você esta aqui do meu lado,
eu quero você do meu lado,
pra não morrer com uma dor infeliz.

Não vá embora, fique aqui comigo
Não vá agora, aproveite esse dia
Não vá embora,
mas se for, ao menos lembre de mim.

@muriloguasti

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Cada dia.

A cada dia que se passa, expulso demônios de dentro de mim,
Expulso tudo o que eu sinto, tudo o que eu mais detesto sentir,
A cada dia que se passar, eu te quero mais,
Eu não sei como te falar, eu não sei como te sentir,
Se você está cada vez mais longe de mim,
Eu já quis te dizer, o que eu sinto por você,
Mas não adianta nada, se eu não estiver olhando nos seus olhos,
Não adianta nada, se tudo que eu te falar, não fizer sentido,
Eu queria dizer no seu ouvido, coisas que só tem no meu pensamento,
Coisas que as vezes eu jogo ao vento,
Para ver se ao menos chegam até você,
Tempestades acontecem em minha cabeça,
Tempestades de sentimentos, todos juntos em um furacão,
Se misturando cada vez mais,
Me fazendo te querer muito mais,
Saudade, cada dia mais,
Os dias são longos, demoram a passar,
Até o dia que eu for te encontrar, tudo isso vai acabar
Mesmo sabendo que vai ter outro começo,
Outro ciclo desse sentimento,
Outra tempestade dentro de mim,
E mais uma vez, tudo vai começar novamente,
Assim vão ser meus dias, cheios de tempestades,
Cheio de sentimentos corrompidos,
Cheio de saudade,
Cheio de amor, todo esse amor,
Que eu sinto apenas por você.

@muriloguasti