terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Desistir?

Aonde eu posso caminhar? Só vejo essa estrada de chão!
Que não tem mais fim, que não chega a nenhum lugar,
Não tenho nem por onde escolher,
Não tenho mais por onde andar, não tem nem com quem falar
 
Chegamos a um ponto, em que pensamos em desistir
De caminhar, de lutar, de tentar viver,
Nada mais da certo, dias jogados fora,
Vidas desperdiçadas, sem ter aonde chegar, sem ter onde caminhar.
               
Estradas de chão, onde nos escondemos atrás de tanta poeira,
Não por que não queremos ser vistos,
Mas porque os que passam por nós, sequer oferecem ajuda,
Eu não posso gritar, pois você finge não me ouvir,
Eu não posso chorar, pois lagrimas serão em vão .

Lagrimas que recuso a sentir escorrer pelo meu rosto
Tentar viver, tentar acreditar, que um dia eu vou chegar
Mesmo caminhando por essa estrada de chão,
Mesmo sabendo que não vou chegar a lugar algum,
Desistir é pros fracos, eu não sou assim.

Um comentário:

  1. Desistir nem sempre é o melhor caminho, assim como insistir. *-*

    ameii as palavras, parabéns.

    beijos.

    ResponderExcluir